Pular para o conteúdo

Calibração de termômetros

Calibração de Termômetros

Calibração de Termômetros

Parece óbvio que em qualquer laboratório, clínica médica, hospital ou ainda em experimentos de qualquer espécie é necessário o máximo possível de precisão. Imagine o profissional depender de uma temperatura exata de 50º.C, por exemplo, para chegar a determinada substância ou liga, e o termômetro estar marcando 60º.C. A calibração de termômetros, portanto, é essencial para a qualidade de qualquer serviço – e chega a ser uma questão absoluta de segurança, seja ou não na área da saúde.

No entanto, da mesma forma que existem diversos tipos de termômetros, há também gestores que relutam em fazer a calibração com a periodicidade adequada como contenção de despesas ou por não compreenderem que o próprio desgaste causado pelo uso pode interferir no resultado do aparelho. Com isso, todos os resultados ficam comprometidos, resultando em queda da qualidade do serviço, insatisfação dos clientes e perda de credibilidade no mercado.

Frequência e forma de calibração de termômetros

De uma forma geral, fica a critério do usuário determinar a frequência da calibração de termômetros, de acordo com os padrões de qualidade adotados pela empresa ou indústria.

Para que seja definida, no entanto, é interessante observar questões como o uso a que se destina o termômetro, a taxa de desvio, calculada a partir do próprio histórico de registros de calibração, e o risco de dano.

Pode ser possível que em alguns casos, como nas áreas da saúde, essa calibração precise ser feita diariamente ou a até a cada turno.

Há várias formas de fazer a calibração de termômetros. Através da leitura de duas constantes físicas, com calibradores de sonda de bloco seco, através da simulação de sinal elétrico ou com calibradores infravermelhos de bloco negro.

Ainda que por conta do volume de trabalho e indisponibilidade de recursos algumas organizações optem por realizar elas mesmas alguns desses procedimentos, a rastreabilidade NIST só é garantida através da calibração externa, em laboratórios certificados com AS17025.

Dessa forma, os procedimentos documentam os métodos utilizados garantindo sua eficiência e o nível adequado de rastreabilidade NIST, com comunicação de resultados para os clientes, incluindo informações sobre incertezas na medição.

É possível ter um trabalho de calibração até certo ponto satisfatório através de um laboratório que não atende aos requisitos da ISO 17025.

No entanto, é sempre bom lembrar que só uma certificação formal assegura ao cliente a adequação dos procedimentos a serem seguidos e evitam o gasto relacionado à verificação que teriam que fazer por conta própria.

Qualidade garantida com a NTS Calibrações

Quem deseja realizar adequadamente a calibração de seus instrumentos precisa conhecer a NTS Calibração! A NTS oferece serviço completo de calibração de termômetros e outros instrumentos de medição.

manutenção preventiva também é um dos serviços da NTS que podem mudar a qualidade de seus produtos! Entre em contato por nosso formulário de orçamento e consulte quem realmente entende da manutenção e calibração de termômetros e instrumentos de medição 

Nossos Serviços

Calibração de Balanças e Instrumentos de Medição

A NTS está preparada para execução de serviços de calibração de balanças, preventiva, corretiva, ajustes e manutenção com selo de acreditação RBC em balanças de todas as marcas e modelos até a faixa de 5000 kg.

Siaweb © Todos os direitos reservados